Propostas de ações do comitê de prevenção e posvenção do suicídio em uma Secretaria Municipal de Saúde

Palavras-chave: Suicídio, Saúde Mental, Transtornos Mentais Graves., Atenção Primária à Saúde

Resumo

Este relato de experiência se refere a um projeto aplicativo que objetivou apresentar propostas de ações a serem colocadas em prática a partir da implantação e sistematização do Comitê de Prevenção e Posvenção do Suicídio de Maringá-PR, com ações que contemplam as diferentes modalidades de Prevenção do Suicídio: universal, seletiva e indicada. Alguns dos resultados parciais incluem a Elaboração do Plano de Ação do Comitê, Capacitação em Prevenção e Posvenção do Suicídio, Elaboração de Boletim Informativo, atividades no Setembro Amarelo, organização da Rede de Referência para os casos de Comportamento Suicida, organização do Protocolo de Referência e Contra-Referência de Atendimento aos Casos de Comportamento Suicida, monitoramento dos dados epidemiológicos de Maringá, apoio à implantação do CVV, além de outros. Tais resultados são o início de um trabalho que pretende ter um maior alcance, fortalecendo a rede de referência para o cuidado dos usuários com comportamento suicida e seus familiares.

Biografia do Autor

Raquel Pinheiro Niehues Antoniassi, Centro Universitário de Maringá (UNICESUMAR).

Psicóloga Clínica na SPES Psicologia e Essentia Clínica de Psiquiatria e Psicoterapias, Membro da Associação Brasileira de Estudos e Prevenção do Suicídio (ABEPS) e do Comitê de Prevenção e Posvenção do Suicídio da Secretaria Municipal de Saúde de Maringá-PR, Professora do Centro Universitário de Maringá (UNICESUMAR).

Giseli Cipriano Rodacoski, Escola de Saúde Pública do Paraná.

Psicóloga na PUCPR: SEAP – Serviço de Apoio Psicopedagógico; Docente na Escola de Saúde Pública do Paraná. Curitiba-PR. Mestre em Educação, Doutora em Biotecnologia - linha de pesquisa: Ensino na Saúde

Flávia Caroline Figel, Secretaria de Estado da Saúde do Paraná (SESA).

Psicóloga, Equipe técnica de coordenação da Rede de Atenção à Saúde Mental – SESA – Paraná.

Referências

1. Bertolote JM. O suicídio e sua prevenção. São Paulo: Editora Unesp, 2012.

2. Botega NJ. Editorial. Suicídio: saindo da sombra em direção a um Plano Nacional de Prevenção. Revista Brasileira de Psiquiatria, vol. 29, n. 1, pp. 7- 8, 2007.

3. Botega NJ. Comportamento suicida: epidemiologia. Psicol. USP, vol.25, n.3, pp. 231-236, 2014.

4. BRASIL. Agenda de ações Estratégicas para vigilância e prevenção do suicídio e promoção da saúde no Brasil. Brasília: Ministério da Saúde, 2017.

5. Kovacs MJ. Apresentação. Psicol. USP, 2014, vol.25, n.3, pp. 229-230.

6. BRASIL. Portaria nº 1.876 de 14 de agosto de 2006: institui Diretrizes Nacionais para a Prevenção do Suicídio. Brasília: Ministério da Saúde, 2006.

7. BRASIL. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Censo Demográfico 2010.

8. COMITÊ DE PREVENÇÃO E POSVENÇÃO DO SUICÍDIO. Conhecendo os dados epidemiológicos do suicídio em nosso município. In: Boletim Informativo. v. 1, nº 1, pp. 2, 2017.

9. Shneidman ES. Definition of suicide. New York: Wiley, 1985.

10. Saraiva CB, Peixoto B & Sampaio D. (coord). Suicídio e comportamentos autolesivos: dos conceitos à prática clínica. Lisboa: Lidel, 2014, pp. 473-483.

11. Botega NJ. Crise Suicida: avaliação e manejo. Porto Alegre: Artmed, 2015

12. Shneidman ES. The suicidal mind. London: Oxford University Press, 1996.

13. Botega NJ. et al. Prevenção do comportamento suicida. In: PSICO (PUC- RS), vol. 37, n. 3, pp. 213-220, 2006.

14. Shneidman ES. Deaths of Man. New York: Quadrangle, 1973.

15. Antoniassi RPN. & Kreuz G. Posvenção. In: Figel FC. & Botega NJ. Curso de Prevenção do Suicídio. SESA/ESPP-CFRH/MS. Disponível em: http://pr.avasus.ufrn.br/local/avasplugin/cursos/ curso.php?id=18

16. Dussault G. A gestão dos serviços públicos de saúde: características e exigências. In: Revista de Administração Pública, v. 26, n. 2, pp. 8-19, 1992.
Publicado
2019-07-18
Como Citar
1.
Antoniassi R, Rodacoski G, Figel F. Propostas de ações do comitê de prevenção e posvenção do suicídio em uma Secretaria Municipal de Saúde. Revista de Saúde Pública do Paraná [Internet]. 18jul.2019 [citado 9fev.2023];2:11-5. Available from: http://revista.escoladesaude.pr.gov.br/index.php/rspp/article/view/238