Eventos adversos

estratégias e incentivos para notificações hospitalares

Palavras-chave: Segurança do Paciente, Gerenciamento de segurança, Indicadores de Qualidade em Assistência à Saúde, Hospitais

Resumo

O presente trabalho é um relato de experiência sobre os incentivos e estratégias adotadas pelo Núcleo de Segurança do Paciente para promoção das notificações dos eventos adversos. Objetivou-se avaliar os resultados das estratégias adotadas para notificação de eventos adversos no Hospital Dr. Eulalino Ignácio de Andrade. Foram realizadas diversas ações a fim de promover a identificação de incidentes relacionados à segurança do paciente. A mais efetiva constitui-se na criação de um formulário simplificado e instalação de urnas em locais estratégicos. A partir dos resultados obtidos, verificou-se um aumento significativo das notificações, ampliação dos notificadores e diversificação dos eventos relacionados que interferem na qualidade da assistência. O advento destas novas informações possibilitam o (re)direcionamento de ações para melhoria da assistência e segurança do paciente.

 

Biografia do Autor

Aline Aparecida Oliveira Moreira, Universidade Estadual de Londrina. Hospital Dr. Eulalino Ignácio de Andrade. Secretaria do Estado da Saúde.

Doutoranda em Enfermagem pela Universidade Estadual de Londrina. Enfermeira do Serviço de Educação e Pesquisa do Hospital Dr. Eulalino Ignácio de Andrade. Secretaria do Estado da Saúde.

Gisele Carvalho Remondi, Hospital Dr. Eulalino Ignácio de Andrade. Secretaria do Estado da Saúde.
Mestre em Saúde Coletiva. Farmacêutica do Hospital Dr. Eulalino Ignácio de Andrade. Secretaria do Estado da Saúde.
Maria Claudia do Carmo Ortega, Hospital Dr. Eulalino Ignácio de Andrade. Secretaria do Estado da Saúde.

Especialista em Gestão da Qualidade. Administradora do Hospital Dr. Eulalino Ignácio de Andrade. Secretaria do Estado da Saúde.

Silvana Verlingue, Hospital Dr. Eulalino Ignácio de Andrade. Secretaria do Estado da Saúde.

Especialista em MBA Gestão Hospitalar. Enfermeira coordenadora do Serviço de Qualidade do Hospital Dr. Eulalino Ignácio de Andrade. Secretaria do Estado da Saúde.

Natália Najara Conceição Ortega, Hospital Dr. Eulalino Ignácio de Andrade. Secretaria do Estado da Saúde.
Especialista em Saúde Pública. Enfermeira Coordenadora do Núcleo de Segurança do Paciente do Hospital Dr. Eulalino Ignácio de Andrade. Secretaria do Estado da Saúde.  

Referências

1. Souza VS, Kawamoto AM, Oliveira JLC, Tonini NS, Fernandes LM, Nicola AL. Erros e eventos adversos: a interface com a cultura de segurança dos profissionais de saúde. Cogitare enferm. 2015; 20(3): 475-482.

2. Brasil. Ministério da Saúde. Portaria Nº 529 de 01 de abril de 2013. Institui o programa nacional de segurança do paciente. Diário Oficial da União, 02 abr. 2013.

3. Sartor GD, Silva BF, Masiero AV. Segurança do paciente em hospitais de grande porte: panorama e desafios. Cogitare enferm. 2016, 21(esp):01-08.

4. Paiva MCMS, Popim RC, Melleiro MM, Tronchim DMR, Lima SAM, Juliani CMCM. Motivos da equipe de enfermagem para a notificação de eventos adversos. Rev latinoam enf. 2014 Oct; 22(5):747-754.

5. Brasil. Ministério da Saúde. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução - RDC Nº 36 de 25 de julho de 2013. Institui ações para a segurança do paciente em serviços de saúde e dá outras providências. Oficial da União, 26 jul. 2013.

6. Brasil. Ministério da Saúde. Documento de referência para o Programa Nacional de Segurança do Paciente. Brasília: Ministério da Saúde, 2014.

7. World Health Organization. Patient Safety. The conceptual framework for the International Classification for Patient Safety. Final Technical Report. Geneva: WHO; 2009.

8. Reis CT, Martins M, Laguardia J. A segurança do paciente como dimensão da qualidade do cuidado de saúde: um olhar sobre a literatura. Ciênc saúde coletiva. 2013; 18(7):2029-2036.

9. Siman AG, Cunha SGS, Brito MJM. A prática de notificação de eventos adversos em um hospital de ensino. Rev esc enferm USP. 2017; 51: e03243.

10. Lorenzini E, Santi JAR, Báo ACP. Segurança do paciente: análise dos incidentes notificados em um hospital do sul do Brasil. Rev gaúcha enferm. 2014; 35(2):121-127.
Publicado
2018-07-24
Como Citar
1.
Aparecida Oliveira Moreira A, Carvalho Remondi G, Claudia do Carmo Ortega M, Verlingue S, Najara Conceição Ortega N. Eventos adversos. Revista de Saúde Pública do Paraná [Internet]. 24jul.2018 [citado 23jun.2024];1(1):101-7. Available from: http://revista.escoladesaude.pr.gov.br/index.php/rspp/article/view/48
Seção
Relatos de experiência