Avaliação do conhecimento de estudantes do ensino médio sobre as Infecções Sexualmente Transmissíveis

Palavras-chave: Infecções Sexualmente Transmissíveis, Atenção à Saúde, Educação em Saúde

Resumo

O estudo avaliou o conhecimento de estudantes do ensino médio de um município do sudoeste de Minas Gerais sobre as ISTs. Primeiramente, aplicou-se um formulário eletrônico pré-atividade. Na sequência, foi ofertada uma atividade de educação em saúde, no formato EAD, a respeito das principais ISTs. Posteriormente, aplicou-se o questionário pós-atividade. Findada a coleta de dados, a qual ocorreu entre maio e agosto de 2021, os dados obtidos foram estatisticamente analisados pelos softwares Excel e STATA. Foram obtidas 168 respostas válidas no questionário pré-atividade e 126, no pós-atividade, sendo que 95 alunos responderam a ambos. No formulário pré-atividade destaca-se que 75 alunos (44,6%) declararam não saber o que são os testes rápidos para ISTs, e no formulário pós-atividade, somente 8 (6,3%) responderam. Acredita-se que o impacto da pandemia de COVID-19 na educação brasileira tenha sido notável em tal pesquisa, porém, os resultados alcançados mostram que a população participante foi beneficiada.

Biografia do Autor

André Ribeiro Alexandre, Universidade do Estado de Minas Gerais

Discente. Graduando em Medicina. Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) – Unidade Passos; Passos-MG.

Larissa Beatriz Evangelista Santana, Universidade do Estado de Minas Gerais

Discente. Graduanda em Medicina. Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) – Unidade Passos; Passos-MG.

Arthur Henrique Resende Porto, Universidade do Estado de Minas Gerais

Discente. Graduando em Medicina. Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) – Unidade Passos; Passos-MG.

Silas José Braz Filho, Universidade do Estado de Minas Gerais

Discente. Graduando em Medicina. Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) – Unidade Passos; Passos-MG.

Luiz Almeida Silva, Universidade Federal de Catalão

Enfermeiro. Doutor. Universidade Federal de Catalão. Catalão-GO.

Sérgio Valverde Marques Santos, Universidade do Estado de Minas Gerais

Enfermeiro. Doutor. Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) – Unidade Passos; Passos-MG.

Policardo Gonçalves Silva, Universidade do Estado de Minas Gerais

Enfermeiro. Mestre. Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) – Unidade Passos; Passos-MG.

Referências

1. Brasil. Ministério da Saúde. Saúde de A a Z. Hepatite: causas, sintomas, diagnóstico, prevenção e tratamento. 2019 [Acesso em 2019 out 17]. Disponível em: http://www.saude.gov.br/saude-de-a-z/hepatite
2. Stamm, LV. Syphilis: Re-emergence of na old foe. Microbial Cell. Set 2016 [Acesso em 2019 out 16] 3 v, 9 n, 363–370 p. Disponível em: http://microbialcell.com/wordpress/wp-content/uploads/2016/09/2016A-Stamm-Microbial-Cell.pdf
3. Brasileiro Filho, Geraldo. Bogliolo patologia. 9. Ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2017.
4. Gomes NCRC, Meier DAP, Pieri FM, et al. Prevalence and factors associated with syphilis in a Reference Center. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. Jan-Feb, 2017 [Acesso em 2019 out 17] 50(1):27-34. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rsbmt/v50n1/0037-8682-rsbmt-50-01-00027.pdf
5. Rocha KB, Santos RRG dos, Conz J, et al. Transversalizando a rede: o matriciamento na descentralização do aconselhamento e teste rápido para HIV, sífilis e hepatites. Saúde em Debate. May-Jun 2016 [Acesso em 2018 out 15] 40 (109). Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/sdeb/v40n109/0103-1104-sdeb-40-109-00022.pdf
6. Brasil. Ministério da Saúde. Portaria nº 1.271, de 06 de junho de 2014. Define a Lista Nacional de Notificação Compulsória de doenças, agravos e eventos de saúde pública nos serviços de saúde públicos e privados em todo o território nacional, nos termos do anexo, e dá outras providências. Diário Oficial da União. 06 Jun 2014.
7. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis, do HIV/Aids e das Hepatites Virais. Boletim Epidemiológico HIV/Aids. 49 v, 53 n. Brasília-DF; 2018 [Acesso em 2019 out 16]. Disponível em: http://www.aids.gov.br/pt-br/pub/2018/boletim-epidemiologico-hivaids-2018
8. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde Departamento de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis, do HIV/Aids e das Hepatites Virais. Boletim Epidemiológico Sífilis, 49 v, 45 n, out 2018 [Acesso em 2019 out 16]. Disponível em: http://www.aids.gov.br/pt-br/pub/2018/boletim-epidemiologico-de-sifilis-2018
9. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Coordenação de População e Indicadores Sociais. Pesquisa nacional de saúde do escolar: 2015. Rio de Janeiro: IBGE; 2016 [Acesso em 2019 out 16] Disponível em: https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv97870.pdf

10. Fontes MB, Crivelaro RC, Scartezini AM, et al. Fatores determinantes de conhecimentos, atitudes e práticas em DST/Aids e hepatites virais, entre jovens de 18 a 29 anos, no Brasil. Rev. Ciênc. Saúde Colet. 22 v, 4 n, Rio de Janeiro: Abr 2017 [Acesso em 2019 out 16]. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v22n4/1413-8123-csc-22-04-1343.pdf
11. Marcondes RS. Educação em saúde na escola. Revista de Saúde Pública, 6 v, p. 89-96, 1972.
12. Furlanetto MF, Lauermann F, Costa CB da, et al. Educação sexual em escolas brasileiras: revisão sistemática da literatura. Cadernos de Pesquisa, v. 48, p. 550-571, 2018.
13. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Panorama geográfico de Passos, Minas Gerais. 2019 [Acesso em 2019 out 17]. Disponível em https://cidades.ibge.gov.br/brasil/mg/passos
14. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Distribuição da população por sexo, segundo os grupos de idade
Passos (MG). 2010 [Acesso em 2019 out 17]. Disponível em https://censo2010.ibge.gov.br/sinopse/webservice/frm_piramide.php?codigo=314790
15. Razali NM, Wah YB. Power comparisons of Shapiro-Wilk, Kolmogorov-Smirnov, Lilliefors and Anderson-Darling tests. J Stat Model Analytics, 2 v, 1 n, p. 21-33. 2011.
16. Cronbach LJ. Coefficient alpha and the internal structure of tests. Psychometrika, [s.l.], v. 16, n. 3, p.297-334, set. 1951. Springer Science and Business Media LLC. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1007/bf02310555
17. Tavakol M, Dennick R. Making sense of Cronbach's alpha. International Journal Of Medical Education, [s.l.], 2 v, p.53-55, 27 jun. 2011. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5116/ijme.4dfb.8dfd
18. Cortez EA, Silva LM da, Santo JNE, et al. Pesquisa-ação: promovendo educação em saúde com adolescentes sobre infecção sexualmente transmissível. Rev. Enferm. UFPE on line. Recife: set 2017; 11(Supl. 9):3642-9. Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/view/234495
19. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis. Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas para Atenção Integral às Pessoas com Infecções Sexualmente Transmissívei(IST). Brasília: Ministério da Saúde, 2020 [Acesso em 2021 out 09]. Disponível em: https://portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br/wp-content/uploads/2020/08/pcdt_ist_final_revisado_020420.pdf
20. Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia; Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana. Sexuality Education in Schools. Rev. Bras. Ginecol. Obstet. dez 2018 [Acesso em 2022 jan] 40:731–732. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbgo/a/mZ3qTqHyRkHTVsdKqNZRLWy/?lang=en
21. Silva Junior JA, Arrigotti T, Mafezoli GD, et al. Experiência de educação em saúde sobre sexualidade no Ensino Fundamental. Rev. Ciênc. Ext. [Acesso em 2022 fev] 14 v, 2 n, p.170-179, 2018. Disponível em: https://ojs.unesp.br/index.php/revista_proex/article/view/1746/2017
Publicado
2023-02-13
Como Citar
1.
Alexandre A, Santana LBE, Porto AHR, Filho SJB, Silva LA, Santos SVM, Silva PG. Avaliação do conhecimento de estudantes do ensino médio sobre as Infecções Sexualmente Transmissíveis. Revista de Saúde Pública do Paraná [Internet]. 13fev.2023 [citado 25maio2024];6(1):1-0. Available from: http://revista.escoladesaude.pr.gov.br/index.php/rspp/article/view/702
Seção
Artigos originais