INFOMED - Direto da bula: aplicação do uso de mídias sociais digitais como forma de divulgação sobre uso racional de medicamentos

Palavras-chave: Rede Social, Uso de Medicamentos, Bula de Medicamentos, Comunicação em Saúde

Resumo

Estudos constatam que na população leiga predomina o desconhecimento acerca das informações para o uso correto de medicamentos. As redes sociais se tornaram um meio de comunicação e de compartilhamento de informações sobre todo tipo de assunto, incluindo indicações sobre uso de medicamentos. Por meio das plataformas Instagram® e Facebook®, o projeto divulga informações científicas presentes nas bulas de medicamentos, bem como livros e artigos científicos e alerta para os benefícios (e também perigos) do uso desses produtos que visam recuperar a saúde, convertendo dados científicos em linguagem simples que possa ser compreendida por pessoas leigas. O presente trabalho pretende descrever quais e como as informações foram divulgadas nas redes sociais do projeto e as interações do público com os temas. Descrever o crescimento do perfil InfoMed.UEL nas redes sociais, bem como o alcance e engajamento nas postagens do quadro Direto da Bula, ao longo de seis meses.

Biografia do Autor

Joice Mara Cruciol, Universidade Estadual de Londrina

Farmacêutica-bioquímica. Doutora em Medicina. Universidade Estadual de Londrina, Londrina, Paraná.

Thiago Matias Alvarenga, Universidade Estadual de Londrina

Estudante de Farmácia. Universidade Estadual de Londrina, Londrina, Paraná.

Nathalia Viana Amaral, Universidade Estadual de Londrina

Estudante de Farmácia. Universidade Estadual de Londrina, Londrina, Paraná.

Referências

1. Kemp S. Global Overview Report. DataReportal. Acesso em: 28 de mar. 2022. Disponível em: https://datareportal.com/reports/digital-2022-global-overview-report.
2. Gonçalves M. Contribuições das mídias sociais digitais na divulgação científica. Múltiplas facetas da comunicação e divulgação científica, [s. l.], 5 out. 2012. Acesso em: 27 fev. 2022. Disponível em: https://www.researchgate.net/profile/Marcos-Gonzalez/publication/236026642_Os_primordios_da_Comunicacao_Cientifica_em_O_Ensaiador_1623_de_Galileu_Galilei/links/00b7d515da05e451c2000000/Os-primordios-da-Comunicacao-Cientifica-em-O-Ensaiador-1623-de-Galileu-Galilei.pdf
3. Biruel EP. Uso da internet como instrumento de educação em saúde. UNIFESP, São Paulo (2008). Acesso em 28 fev. 2022. Disponível em: https://repositorio.unifesp.br/bitstream/handle/11600/24269/Tese-24269.pdf?sequence=1
4. Moretti FA, Oliveira VE, Silva EMK. Acesso a informações de saúde na internet: uma questão de saúde pública?. AMB rev. Assoc. Med. Bras.2012, v. 58, n. 6 , pp. 650-658. Acesso em: 28 fev. 2022. doi: https://doi.org/10.1590/S0104-42302012000600008.
5. Oliveira ICA. O que, como e para que as mulheres usam medicamentos: um estudo farmacoepidemiológico. 2020. Monografia (Trabalho de Conclusão de Curso - graduação em Farmácia). Universidade Estadual de Londrina. Orientador: Joice Mara Cruciol.
6. Benetoli A, Chen TF, Spagnardi S, Beer T, Aslani P. Provision of a Medicines Information Service to Consumers on Facebook: An Australian Case Study.J. med. internet res. n. 11, v. 17, 2015. Acesso em: 27 fev. 2022. doi: https://doi.org/10.2196/jmir.4161
7. Navas ALGP. Divulgação científica como forma de compartilhar conhecimento. CODAS, [s. l.], 22 fev. 2020. Acesso em: 27 fev. 2022. Disponível em: https://www.scielo.br/j/codas/a/JfNFfDWM4Qr3rkqmRWHCWLm/?format=pdf&lang=pt
8. Silva MMS. Interseção de saberes em mídias sociais para educação em saúde na pandemia de COVID-19. Revista de políticas públicas, [s. l.], 19 fev. 2020. Acesso em: 26 fev. 2022. doi: https://doi.org/10.36925/sanare.v19i2.1479
9. Santos KKA, Santos TA, Luz DA. A influência das redes sociais no uso irracional de medicamentos para combate ao COVID-19 por estudantes do curso de farmácia e profissionais de uma instituição de ensino superior privada. J. Pharmacy and Pharmaceutical Sciences, [s. l.], 11 jun. 2021. Acesso em: 26 fev. 2022. doi: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v10i7.16069
10. Bravo TP. Análise da informação sobre cloroquina e ivermectina nas mídias digitais Youtube e Instagram: relação entre Covid-19 e infodemia. Revista brasileira de farmácia hospitalar e serviços de saúde, [s. l.], 20 set. 2020. Acesso em: 28 fev. 2022. doi: https://doi.org/10.30968/rbfhss.2021.124.0687
11. De Aquino DS. Por que o uso racional de medicamentos deve ser uma prioridade? SciELO- Brasil, [s. l.], 1 abr. 2008. doi: https://doi.org/10.1590/S1413-81232008000700023
Publicado
2023-02-14
Como Citar
1.
Cruciol JM, Alvarenga TM, Amaral NV. INFOMED - Direto da bula: aplicação do uso de mídias sociais digitais como forma de divulgação sobre uso racional de medicamentos. Revista de Saúde Pública do Paraná [Internet]. 14fev.2023 [citado 25maio2024];6(1):1-. Available from: http://revista.escoladesaude.pr.gov.br/index.php/rspp/article/view/759
Seção
Artigos originais